Time Brasil

Time Brasil 024 Dias Jogos Olímpicos da Juventude Nanquim 2014 Nanquim - China
16 de agosto de 2014
744 Dias Jogos Olímpicos Rio 2016 Rio de Janeiro - Brasil
5 de agosto de 2016

Esportes

Picto Wrestling

Lutas

Lutas misturam a força e a destreza dos atletas, em um combate entre dois adversários que têm como objetivo controlar os movimentos do rival, forçando-o a encostar suas costas no chão. O praticante precisa usar todo seu potencial físico e psicológico para conseguir sair vencedor. No programa olímpico o esporte é dividido em duas modalidades: Estilo Livre e Greco-Romano.

Luta Livre

História

Na época, mais conhecida como catch as catch can, a luta livre foi incluída no programa olímpico nos Jogos de Sain Louis 1904. Muito popular, a modalidade foi desenvolvida a partir de performances realizadas em feiras e festivais no Reino Unido e nos Estados Unidos. Desde os Jogos Olímpicos Antuérpia 1920, o esporte esteve presente em todas as edições do evento.

Curiosidades

Com a diminuição de dez para sete categorias, as mulheres começaram a competir em quatro eventos desde Atenas 2004.

O termo inglês "wrestiling" dá nome ao torneio de luta olímpico, tanto na modalidade greco-romana como no estilo livre.

Wrestiling quer dizer o princípio da luta: segurar, prender, imobilizar.

Existem diferenças básicas entre o estilo livre e o greco-romano. No primeiro, é permitido utilizar e atacar as pernas, enquanto no segundo só é permitido usar o tronco, não podendo atacar ou utilizar as pernas para derrubar o adversário.

Os representantes brasileiros nos Jogos Olímpicos foram Floriano Spiess e Roberto Leitão (em Seul 1988, nos estilos Greco-romano e livre), Roberto Leitão (em Barcelona 1992, no livre), Antoine Jaoude (em Atenas 2004, no livre) e Rosângela Conceição (em Pequim 2008, também no livre).

Luta Greco-Romana

História

Com a provável exceção do atletismo, a luta greco-romana é tida como o esporte mais antigo do mundo. Desenhos em cavernas de 3.000 a.C retratam lutadores. A modalidade aparece nos Jogos Olímpicos da Antiguidade em 708 a.C. Considerado a reencarnação do espírito olímpico da Grécia Antiga, o esporte foi incluído já na primeira edição dos Jogos da Era Moderna, em Atenas 1896.

Com exceção dos Jogos Olímpicos Paris 1900, o esporte esteve presente em todas as edições da competição. Nos Jogos de Sidney, em 2000, o programa de luta greco-romana foi modificado e passou a ter oito categorias de peso em vez das dez, incluídas em Munique 1972. A partir de Atenas 2004, as lutas passaram a ser disputadas em sete categorias.

Curiosidades

Com exceção dos Jogos Olímpicos Paris 1900, a luta greco-romana esteve presente em todas as edições da competição.

O termo inglês "wrestiling" dá nome ao torneio de luta olímpica, tanto no estilo greco-romano como no estilo livre.

Wrestiling quer dizer o princípio da luta: segurar, prender, imobilizar.

Existem diferenças básicas entre o estilo greco-romano e o livre. No primeiro, só é permitido usar o tronco, não podendo atacar ou utilizar as pernas para derrubar o adversário. Já no segundo é permitido utilizar e atacar as pernas.

Os representantes brasileiros nos Jogos Olímpicos foram Floriano Spiess e Roberto Leitão (em Seul 1988, nos estilos Greco-romano e livre), Roberto Leitão (em Barcelona 1992, no livre), Antoine Jaoude (em Atenas 2004, no livre) e Rosângela Conceição (Pequim 2008, no livre).

Tags:
Time Brasil

Brasil entra na luta

O Brasil inicia nesta quinta-feira, 9 de agosto, a sua participação na competição de luta dos Jogos Olímpicos Londres 2012. Única representante do país na modalidade presente nos Jogos, Joice Silva vai enfrentar suas oponentes na arena montada no Complexo Excel. O...

Notícias mais antigas
Galeria
Crédito: 1 de

Atribua uma nota:

Aguarde...